Polícia prende homem com metralhadora e fuzil em casa de Hortolândia
Reprodução: ACidade ON
Polícia prende homem com metralhadora e fuzil em casa de Hortolândia

Polícia vai investigar se ele tem envolvimento com tentativa de roubo de carga da Samsung que terminou com dois PMs mortos. Um homem que mantinha em casa uma metralhadora e um fuzil foi preso no fim da tarde desta quinta-feira (29) no bairro Vila Guedes, em Hortolândia.   

Após a prisão, a Polícia Civil investigará se ele tem envolvimento com a tentativa de roubo de cargas da Samsung, que deixou dois policiais militares aposentados mortos (leia mais abaixo). 

De acordo com a corporação, o homem foi encontrado hoje após uma denúncia anônima. A informação era que de que no local indicado havia pessoas fortemente armadas e que teriam envolvimento com o roubo de cargas. 

Em patrulhamento pelo bairro, a equipe abordou o suspeito e fez uma vistoria no imóvel. Na residência, a polícia encontrou uma espécie de depósito onde ele mantinha a metralhadora, um fuzil calibre 12, coletes balísticos, além de uma grande quantidade de munições. 

Ele foi preso em flagrante e já tinha passagem policial. As armas apreendidas nesta quinta-feira ainda passarão por perícia, para ver se existe a ligação com o caso do roubo de cargas. A ocorrência da prisão de hoje foi registrada na delegacia de Hortolândia. 

O ROUBO DE CARGAS 

Na madrugada de quarta-feira (28), dois policiais militares aposentados de Campinas morreram durante uma tentativa de roubo a um caminhão com carga de celulares da Samsumg.   

Você viu?

Eles estavam fazendo escolta da carga com 2 mil aparelhos avaliada em mais de R$3 milhões quando criminosos fortemente armados abordaram o caminhão. 

A carreta havia saído de Cajamar em direção a Ribeirão Preto e a quadrilha usou ao menos quatro carros para cometer o crime. Na ação, o veículo usado pela escolta foi alvejado com disparos de fuzil - por isso, a suspeita de envolvimento do homem preso em Hortolândia. 

Após a abordagem, o caminhãocom a carga foi, então, trancado automaticamente e os criminosos não conseguiram levar o carregamento. 


Horas depois o caminhão foi encontrado com os produtos intactos. Só que, até este momento, os policiais não haviam sido encontrados. Para achá-los, foi montada uma operação envolvendo equipes de várias cidades da região. Eles foram encontrados horas depois. 

Segundo a polícia, o criminosos jogaram os policiais de um barranco na altura do quilômetro 46 da Rodovia Anhanguera, no limite entre as cidades de Cajamar e Jundiaí. Em nota, a Samsung lamentou o incidente e informou que o caso está sendo investigado pelas autoridades competentes.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários