Ocupação de UTI-Covid está em 71,43% nesta segunda-feira em Campinas
Reprodução: ACidade ON
Ocupação de UTI-Covid está em 71,43% nesta segunda-feira em Campinas

Levantamento da Prefeitura de Campinas apontou que a taxa de ocupação de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de covid-19 está em 71,43% nesta segunda-feira (16).

O último balanço foi divulgado na sexta-feira (13), quando a ocupação estava em 73,02% e foi a taxa mais baixa da semana passada. A queda no indicador da pandemia foi um dos motivos, inclusive, para novas regras de flexibilização da pandemia de covid-19 (leia mais abaixo).

Hoje, o município conta com 314 leitos de UTI exclusivos para pacientes com covid-19 nas redes pública e particular de saúde. Deste total, 224 estão ocupados, o que corresponde a 71,34%. Há 90 leitos livres nas redes municipal, estadual e privada.

Além disso, não há pacientes à espera por leitos covid-19, segundo o levantamento da Prefeitura de Campinas. No total, há 263 pacientes internados em enfermaria covid e 224 em UTI-Covid.

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

Além do levantamento da situação hospitalar, a Prefeitura de Campinas atualizou os dados de coronavírus. Foram confirmados no boletim epidemiológico mais 28 mortes de covid e 575 novos casos. Com isso, o registro total, desde março de 2020, é de 4.223 óbitos e 131.974 moradores que se infectaram.

NOVAS REGRAS DE FLEXIBILIZAÇÃO

Campinas anunciou hoje novas flexibilizações nas regras da pandemia. As liberações seguem as novas medidas que passam a valer a partir de amanhã (17) no Estado.

A partir de terça-feira, restaurantes, bares, comércios e serviços poderão funcionar com 100% de ocupação, respeitado o distanciamento mínimo de 1 metro. Também não haverá mais horário limite de funcionamento e o toque de recolher será retirado. A medida vale até 31 de outubro.

Até então, a ocupação permitida era de até 80% com horário de funcionamento até meia-noite. Segundo a Administração, as mudanças serão publicadas em decreto no Diário Oficial de amanhã.



COMO ESTÃO OS LEITOS

SUS Municipal: 136 leitos, dos quais 94 estão ocupados, o que equivale a 69,12%. Há 42 leitos livres.

SUS Estadual: 45 leitos, dos quais 32 estão ocupados, o que equivale a 71,11%. Há 13 leitos livres.

Particular: 133 leitos, dos quais 98 estão ocupados, o que equivale a 73,68%. Há 35 leitos livres.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários