Com queda, Unicamp tem 63,2 mil inscritos para Vestibular 2022.
Divulgação/Unicamp
Com queda, Unicamp tem 63,2 mil inscritos para Vestibular 2022.


A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) recebeu 63.297 inscrições para o Vestibular 2022 . O número representa uma queda em relação ao recorde histórico de inscritos do ano anterior, quando houve 77.653 candidatos. Os dados foram divulgados pela Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp) nesta terça-feira (28).

Os candidatos inscritos vão concorrer a uma das 2.540 vagas, disponíveis 69 cursos de graduação . A primeira fase acontece em 7 de novembro de 2021, enquanto a segunda fase será aplicada nos dias 9 e 10 de janeiro de 2022. Segundo a Comvest, os locais de prova da primeira fase serão divulgados em 22 de outubro.

QUEDA NÚMERO DE INSCRITOS

Para o diretor da Comvest, José Alves de Freitas Neto, a queda no número de inscritos no Vestibular 2022 já era esperada.

"Era esperada diante do contexto de desmobilização estudantil e também forte crise econômica que faz com que muitos adiem sua preparação ou mesmo o ingresso em uma universidade pública. A queda de inscritos no Enem e a diminuição de pedidos de isenção de taxas foram outros indícios que apontavam para a queda", disse.

Neste ano, a Unicamp chegou a prorrogar o prazo para as inscrições no vestibular devido à baixa procura de candidatos. Para o diretor, a medida foi fundamental.

"Ao prorrogarmos as inscrições, obtivemos a adesão de mais oito mil estudantes, incluindo aproximadamente mil que haviam sido contemplados com a isenção, mas não tinham efetivado a inscrição", explicou.

CANDIDATOS REDE PÚBLICA

O percentual de estudantes de escolas públicas registrado foi de 30,5%. O índice de candidatos autodeclarados pretos e pardos ficou em 19,1% e o percentual de estudantes que fizeram a opção pelas cotas étnico-raciais foi de 10,7% do total de inscritos no Vestibular Unicamp 2022.

Leia Também

O percentual de estudantes inscritos que foram beneficiados pela isenção da taxa de inscrição está entre os maiores dos últimos anos, com 11,5% do total de candidatos, representando 7.267 inscritos.

CARREIRAS MAIS PROCURADAS

Segundo a Comvest, as dez carreiras mais procuradas no Vestibular Unicamp 2022 foram: medicina; arquitetura e urbanismo; ciência da computação; ciências biológicas; engenharia da computação; comunicação social-midialogia; farmácia; enfermagem; ciências econômicas (integral e noturno) e história.

A relação candidatos-vaga geral passou de 24 para 24,9% este ano.

COMO SERÁ

Para este ano, a Comvest decidiu manter o mesmo número de questões da primeira fase que foi reduzido na edição anterior de 90 para 72 e também o tempo máximo para sua realização de quatro horas.


A lista de obras de leitura obrigatória para o Vestibular Unicamp 2022 apresenta dez obras, ao invés das tradicionalmente 12 obras de anos anteriores.  

Segundo a Comvest, as medidas sanitárias no momento de realização das provas continuarão sendo adotadas, a fim de garantir que todos os protocolos exigidos pelas autoridades de saúde sejam seguidos.

No estado de São Paulo, a primeira fase será aplicada em 30 cidades, além de Campinas. Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Fortaleza e Salvador são outros estados onde a prova será realizada.

CRONOGRAMA

Primeira fase: 7 de novembro de 2021
Segunda fase: 9 e 10 de janeiro de 2022
Provas de Habilidades Específicas para candidatos aos cursos de Música: setembro e outubro 2021
Provas de Habilidades Específicas para candidatos aos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais e Dança: entre os dias 13 e 15 de janeiro de 2022

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários