Eclipse lunar será parcial na madrugada de amanhã (19) (Foto: Reprodução/Julio Lobo)
Eclipse lunar será parcial na madrugada de amanhã (19) (Foto: Reprodução/Julio Lobo)

O eclipse lunar parcial mais longo em 580 anos acontece na madrugada desta sexta-feira (19) e poderá ser visto no Brasil a olho nu, incluindo na cidade de Campinas. No auge do fenômeno, às 5h15, a lua ganhará um tom acobreado e terá mais de 97% de sua superfície coberta pela sombra da Terra. 

O espetáculo será visível nas Américas, Europa, Ásia, Austrália e Pacífico. Em Campinas, o astrônomo do Observatório Municipal, Julio Lobo, deu mais detalhes dos melhores locais para observar o fenômeno (saiba mais abaixo). 

A parte penumbral do eclipse, que é apenas uma leve sombra na lua, imperceptível a olho nu, começa às 3h. A sombra da Terra começará a entrar na lua por volta das 4h18, só que estará a 12° do horizonte. A parte visível do fenômeno irá durar em torno de 40 minutos. 

"12° é um punho fechado e mais dois dedos, ou seja, muito baixo em relação ao horizonte. O auge seria às 5h15 da manhã, mas a lua vai estar começando a deitar no horizonte oeste. Com isso, vai ser bem difícil e pouco tempo para gente observar esse eclipse", explicou o astrônomo. 

OBSERVAÇÃO 

O conselho de Julio é que as pessoas observem o fenômeno de suas casas. Isto porquê, no Observatório Municipal de Campinas, a floresta de eucalipto no entorno, com árvores com mais de 40 metros, dificulta a observação. Além disso, os telescópios profissionais só conseguem observar acima de 25° de altura. 

Mas, o astrônomo deu dicas para os moradores. "Basta olhar para direção oeste, onde o sol se põe. Lembrando que o dia começa a amanhecer e ficar um pouco mais claro por volta de 4h15. Então, vai ser bem difícil de observar. Quem tiver um binóculo e uma vista à oeste limpa, a visão será razoável", afirmou ele. 

LUGAR IDEAL 

A previsão de chuva e tempo nublado também deve atrapalhar a visibilidade. Mas se você está disposto a procurar o lugar ideal para observar o fenômeno, o astrônomo recomenda a Praça do Pôr do Sol na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas). 

Leia Também

"Ali é um dos melhores lugares que eu conheço para observar fenômenos astronômicos. Você tem praticamente o horizonte quase a 0° e consegue enxergar todo o oeste. Além disso, não há árvores, nem prédios no entorno. Só é preciso tomar cuidado com a segurança, já que o eclipse acontece na madrugada", alertou Julio.  

Leia Também

O astrônomo de Campinas Julio Lobo (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
O astrônomo de Campinas Julio Lobo (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

ECLIPSE LUNAR PARCIAL MAIS LONGO 

Um eclipse lunar acontece quando o Sol, a Terra e a Lua se alinham de forma que a Lua passa pela sombra da Terra. Em um eclipse lunar total, a Lua inteira fica coberta pela sombra da Terra.


Nesta sexta-feira, o eclipse lunar será parcial e o mais longo dos últimos 580 anos. O último aconteceu no dia 18 de fevereiro de 1440 e o próximo será apenas em 8 de fevereiro de 2669. 

Segundo o astrônomo de Campinas, a lua terá mais de 97% de sua superfície coberta pela sombra da Terra, ou seja, apenas por 3% o eclipse não será total. 

Além disso, a lua ganhará um tom acobreado. De acordo com Julio, na região Metropolitana de Campinas, o astro apresentará cor acinzentada ou alaranjada.

"A lua ficará na cor de tijolinho à vista. 'Vermelho sangue', como deram esse nome agora, a lua não fica. Mas, nós vamos ver meio cinza. Talvez atinja uma coloração alaranjada, um pouco mais forte, por conta da poluição atmosférica que tem próxima ao horizonte", afirmou o astrônomo.

PRÓXIMO FENÔMENO 

Já que não é possível esperar mais 648 anos para acompanhar novamente um fenômeno como esse, o astrônomo deixa a recomendação: 

"As pessoas podem aguardar para o ano que vem, de 15 para 16 de maio. Em um domingo, nós vamos ter um eclipse total da lua. Esse sim vai ser bem legal. Vai dar pra ver praticamente até umas 3h da manhã, começando por volta de 23h. Ele vai ser alto, acima da linha do horizonte, e não vai ter nenhum empecilho".
"

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários