Mais 50 abrigos de ônibus foram instalados em bairros de Campinas.
ARQUIVO PMC
Mais 50 abrigos de ônibus foram instalados em bairros de Campinas.


A Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas) informou que implantou, entre os meses de dezembro e janeiro, mais 50 abrigos do tipo "Andorinha" previstos para nove áreas descentralizadas da cidade.  Os novos abrigos substituíram pontos de embarque antes demarcados por pontaletes.

A instalação fez parte do programa de requalificação dos pontos de embarque de passageiros. Segundo a empresa, nesta etapa, foram contemplados diversos bairros dos distritos de Nova Aparecida, Barão Geraldo e Sousas, e das regiões do Amarais, Parque Anhumas e Sudeste.  

Leia Também

A escolha dos locais beneficiados considerou volume populacional, alta demanda de usuários do transporte público e proximidade de pontos de interesse, como escolas ou postos de saúde. 

"Ampliar a qualidade do transporte público a partir da visão do usuário é nosso propósito. Por isso, uma das primeiras medidas que adotamos foi expandir o programa de abrigos, que se concentrava nas regiões centrais, para os bairros de Campinas. Queremos que as pessoas que mais utilizam o transporte público possam esperar pelo ônibus com todo conforto desde os locais onde residem", disse o presidente da Emdec, Vinicius Riverete.

Anteriormente, entre os meses de outubro e dezembro de 2021, outros 50 abrigos "Andorinha" foram implantados, beneficiando bairros das regiões do Campo Grande, Ouro Verde, Sudeste e Viracopos. A implantação foi realizada por empresa privada, como compensação ao município pela instalação de empreendimento imobiliário. 

Leia Também

OS PONTOS

Chamado de "Andorinha" em alusão a um dos símbolos de Campinas, os novos abrigos possuem cobertura, estrutura metálica e três assentos de concreto, sendo um deles destinado às pessoas obesas. 

A padronização da identidade visual dos abrigos, segundo a Prefeitura, também permite que os usuários visualizem as linhas que atendem ao ponto.  


Essa informação pode ser complementada com a utilização do aplicativo "Cittamobi", que informa, em tempo real, a estimativa de chegada do ônibus no ponto. O "Cittamobi" está disponível para download na Google Play e na App Store.

A Emdec e a Setransp agora estudam os próximos passos do programa de requalificação dos abrigos, de forma a atender a demanda remanescente dos pontos de embarque sem cobertura.
Acesse aqui as imagens desta matéria

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários