ACidade ON

Lucas Raier, de 21 anos, é acusado de ter atropelado a ex-namorada, que já tinha medida protetiva contra ele (Foto: Cedida) 

A Justiça de Campinas acatou o pedido de prisão preventiva do tarálogo Lucas Raier, de 21 anos, feito pela Polícia Civil por tentativa de feminícidio nesta semana, quando ele atropelou a ex-namorada Sandra Hudrorovich, de 49 anos. O caso ocorreu na terça-feira (9) e imagens mostraram o atropelamento no Jardim Chapadão (veja vídeo abaixo).

O caso está sendo investigado pela 1ª Delegacia de Defesa da Mulher de Campinas, que instaurou inquérito policial e indiciou o autor por descumprimento de medida protetiva e pela tentativa de feminicídio.

Leia também: Covid-19: Ação contra festas mira bairros nobres de Campinas

Em nota oficial, a SSP (Secretaria de Segurança Pública) informou que policiais da unidade realizam buscas para prendê-lo. A defesa de Raier foi procurada mas até o momento não se posicionou sobre o caso.

Na terça-feira, o suspeito foi flagrado por câmeras de segurança atropelando a vítima, deixando ela com cortes profundos na cabeça. Ela foi socorrida para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) São José.  



No vídeo, é possível ver quando a mulher sai de um carro em que estava com um amigo, e em seguida é atingida pelo veículo do tarólogo em alta velocidade, que era dirigido pelo ex-namorado. Segundo a vítima, o carro em que estava já havia sofrido uma batida também causada pelo agressor.

Segundo a vítima, ela teve um relacionamento com Lucas por aproximadamente um ano, e ambos chegaram a morar juntos, mas após notar um comportamento agressivo do companheiro terminou o relacionamento em janeiro desde ano. Ainda de acordo com a vítima, desde a separação, Lucas não aceita o fim do relacionamento, e faz ameaças e sempre a persegue. Ela tinha ainda uma medida protetiva contra ele.

    Veja Também

      Mostrar mais