Vacinação contra a Covid em Campinas.
Eduardo Lopes/Prefeitura de Campinas
Vacinação contra a Covid em Campinas.

A Secretaria de Saúde vai ampliar a vacinação contra a Covid-19 em Campinas nesta quarta-feira (14). Pessoas com 35 anos ou mais poderão, a partir das 17h, fazer o agendamento obrigatório, que também continuará disponível para os públicos que já estavam contemplados.

Entre estes grupos estão: pessoas com comorbidades, profissionais de educação, gestantes e puérperas com mais de 18 anos de idade. Serão disponibilizadas 33.478 vagas, divididas entre o Dia D marcado para este sábado (17) e na próxima quinta (22) e sexta-feira (23).

A marcação do local, dia e horário deve ser feita no site (vacina.campinas.sp.gov.br) ou pelo telefone 160. Pessoas que tiverem dificuldades por estes canais devem procurar o Centro de Saúde mais próximo de sua casa.

VACINAÇÃO

As vacinas são aplicadas nos centros de saúde do município apenas com dia e horário marcados. É importante que as pessoas cheguem, no máximo, com 10 minutos de antecedência, para evitar aglomerações.

No Dia D, 60 centros de saúde estarão abertos para vacinação. Nos demais dias, 63 unidades de saúde vão ficar disponíveis para a aplicação das doses.  Cada centro de saúde abre em um dia da semana exclusivamente para a vacinação, na terça, quinta ou sexta-feira (confira a relação abaixo).  

Apenas os Centro de Saúde do bairro Boa Esperança, Carlos Gomes, Campina Grande e Bassoli não fazem aplicação das vacinas.

NÃO ESQUEÇA DE NENHUM DOCUMENTO

Para não correr o risco de ter que voltar para casa, confira na página oficial (vacina.campinas.sp.gov.br) da prefeitura quais documentos você deve levar no dia do agendamento. 

Você viu?

CONFIRA OS DIAS E LOCAIS DE IMUNIZAÇÃO

Dia D - Sábado, 17 de julho: 60 centros de saúde funcionarão para a vacinação das 8h às 17h. Só não abrem as unidades do DIC 6, Rossin, Santos Dumont, Eulina, Carlos Gomes, Campina Grande e Boa Esperança.

Terças-feiras : CSs Centro, Costa e Silva, Perseu, Satélite Iris 1, Vicente Pisani Neto, Lisa, Barão Geraldo, Boa Vista, Cássio Raposo, Santa Mônica, Santa Lúcia, DIC III, Aeroporto, Capivari, Vila Ipê, São Vicente, Campo Belo, São José e Santa Odila.

Quintas-feiras : CSs Taquaral, 31 de Março, Florence, Floresta, Pedro de Aquino, Valença, Anchieta, Eulina, São Marcos, Village, Santo Antônio, DIC I, Santos Dumont, DIC VI, Vila União, Paranapanema, Figueira, Esmeraldina, Fernanda, Oziel e Vila Rica.

Sextas-feiras: CSs São Quirino, Sousas, Joaquim Egídio, Conceição, Ipaussurama, Rossin, Santa Rosa, Integração, Itajaí, Aurélia, Rosália, San Martin, Santa Bárbara, Vista Alegre, União dos Bairros, São Cristóvão, Tancredo Neves, Nova América, Orozimbo Maia, San Diego, Carvalho de Moura, São Bernardo e CS São Domingos. 

FINAL DA FILA

Em Campinas, não existe hoje a possibilidade de escolher a vacina, mesmo com prescrição ou encaminhamento médico. A pessoa que se recusar a receber a dose terá que assinar um documento de recusa e irá para o final da fila de imunização.


No último Dia D, no dia 9 de julho, 30 pessoas se recusaram a tomar a vacina oferecida no momento da imunização e foram colocadas no final da fila. Quem não comparecer no dia agendado ficará suspenso por 30 dias no sistema. As eventuais contestações poderão ser encaminhadas via recurso formalizado no Protocolo Geral da Prefeitura.

GRIPE X COVID

Como as campanhas de vacinação contra Covid-19 e Gripe estão acontecendo ao mesmo tempo, o Ministério da Saúde não recomenda a aplicação das duas vacinas simultaneamente. A orientação é priorizar a imunização contra a covid-19 e respeitar o intervalo mínimo de 14 dias entre as doses contra o novo coronavírus e contra Influenza.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários